fbpx
Dr. Flávio Aquino, Dentista de Próteses e Implantes Dental em Maceió - AL, realizando reabilitações Avançadas.

CUIDE DE SUA ESCOVA DE DENTES

Você sabia que sua escova dental pode ser um foco de problemas?  É verdade! Esse instrumento tão importante para a saúde dos nossos dentes, muitas vezes, é negligenciado e esquecido no banheiro e permanece como se fosse um objeto decorativo em um ambiente contaminado durante sua vida útil. Sua escova de dentes tem durabilidade limitada e deve ser trocada a cada três meses.

Um questionamento muito frequente entre meus pacientes no consultório diz respeito ao modelo de escova ideal e os cuidados com sua limpeza e troca. Costumo sugerir que invistam um tempo, na hora da compra, examinando os tamanhos expostos nas prateleiras (pois existem várias opções de cores, formas e texturas), optem por modelos menores e evitem os maiores, pois eles escovas de tamanho grande dificultam o acesso às áreas mais posteriores da arcada dental. É válido lembrar sempre que após a escovação você deve lavá-la em água corrente para remover os resíduos de creme dental.

Finalizada a limpeza com água, molhe as cerdas no enxaguante bucal, ou então  deixe a parte das cerdas submersa neste líquido por uns vinte minutos. Nunca guarde a escova úmida, seque-a completamente entre um uso e outro. Se você costuma guardá-la fora do armário do banheiro, existem capinhas plásticas para escovas dentais com abertura para circulação de ar que são ótimas e ajudam tanto em sua proteção quanto no aumento de sua durabilidade.

Uma outra sugestão importante para combater infecção cruzada, que é a propagação de vírus e bactérias entre as escovas de indivíduos  diferentes e que costumam conviver juntos no mesmo recipiente (e que, por isso, acaba facilitando a propagação de micro organismos de uma escova para outra) é tentar evitar que sua escova encoste em outras quando guardadas neste mesmo ambiente.

Não só nestes tempos pandêmicos, mas após um resfriado, gripe, infecção na cavidade bucal, dor de garganta, momentos pós-cirurgias bucais ou até mesmo após períodos de internação hospitalar é necessário trocar de escova também. Vale lembrar ainda, que você nunca deve deixar sua escova muito próximo do vaso sanitário, pois lá está o maior foco de contaminação do banheiro.

E quando for viajar, além se se preocupar com mala, roupas, roteiros paradisíacos, vouchers e passagens; providencie uma estojo plástico para  sua amiga escova, pois ela evitará que as cerdas fiquem espremidas ou achatadas no seu kit de viagem.  Lembre-se sempre que sua escova é uma ferramenta importante de autocuidado, pois a mecânica da escovação além de possibilitar um hálito saudável para suas aventuras mundo a fora,  protege seus dentes da placa bacteriana evitando cáries e doença gengival.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Posts relacionados
QUEM  TEM MEDO DE ESCOVAÇÃO DENTAL?

  Quem lê o título deste texto pode pensar que estou me dirigindo a crianças birrentas acostumadas, antes de deitar, Veja mais

CRIE SEU PROGRAMA DE SAÚDE BUCAL

Viver muitos anos com saúde e qualidade tem sido uma meta a ser alcançada por todos. Através dos avanços tecnológicos Veja mais

PERDA DENTAL e AUTOESTIMA
Dr. Flávio Aquino, Dentista de Próteses e Implantes Dental em Maceió - AL, realizando reabilitações Avançadas.

É muito frequente percebermos, no nosso convívio, a presença de pessoas usuárias de prótese dentária ou até mesmo com ausências Veja mais



× Como posso te ajudar?